top of page
  • Foto do escritorGabriel Menezes

Estar a Serviço da Caridade: É certo USAR a MEDIUNIDADE para GANHOS Próprios?

Quando você recebe o chamado para despertar o médium interior, este também é um chamado para devotar a sua vida à caridade e ao serviço.


Mas por desconsiderar isso, é que muitos se perdem, e por isso o tema mediunidade acaba envolto em muitos tabus, e arquétipos não tão éticos como cartomantes, médiuns, videntes, pais de santo e mães de santa que prometem trazer o amor de volta em x dias, prever o futuro, amarrar alguém, atrapalhar fulano, etc, etc, tudo isso por uma “módica quantia”, é claro!



No artigo de hoje da série Educando a Sua Mediunidade, que você também poderá encontrar uma sequência de vídeos na Playlist do meu canal no Youtube chamada 'Mediunidade para Todos', vamos falar de algo controverso: os médiuns que cobram por serviços e prometem coisas que ferem o livre arbítrio de terceiro.



Até que Ponto isso é Ético?


Quais carmas podem ser acumulados tanto por aqueles que prestam este tipo de serviço, quanto por aqueles que se utilizam de tais serviços?


Um médium que cobra para intervir no livre arbítrio do outro, não é diferente dos pastores, gurus e falsos profetas que obtêm ganhos materiais astronômicos explorando a fé alheia, enganando e manipulando os outros.


Infelizmente onde há o ser humano, haverão as sombras do coletivo e consequentemente a ganância e a corrupção.


Os falsos profetas e falsos médiuns existem aos montes, e eles se usam de truques, subterfúgios, e acima de tudo de sua ignorância para te manipular, te encantar, te hipnotizar, te seduzir e no final te explorar.


Muitos até começam a desenvolver a sua mediunidade e dons proféticos de um lugar puro e de boa intenção, mas no meio do caminho, por motivos diversos que não vale a pena trazer aqui, se perdem e acabam cedendo às tentações da matéria.


Somos todos falhos, e por tanto não devemos criticar nossos irmãos, mas sim enviar a eles nossas preces e orações para que possam se reencontrar em seu caminho rumo ao prazer inenarrável que é o ato de servir ao próximo sem esperar nada em troca por isso.


Rompendo o Ciclo Vicioso


No entanto precisamos ficar atentos, pois onde há ovelhas para serem manipuladas, haverão os lobos se disfarçando de pastores.


Então temos que ter auto responsabilidade em nossa jornada de compreensão, estudo, autoconhecimento e evolução. Afinal, a culpa não é só deles, mas sim de todos nós, pois enquanto houver a ignorância e a desinformação, haverão aqueles que se usarão disso para obter ganhos próprios.


Eu particularmente não gosto de usar a palavra culpa, porque encontrar culpados não resolve nada, no lugar dela gosta de usar a palavra responsabilidade.


E sim, somos todos responsáveis. Aqueles que se usam de seus dons proféticos ou mediúnicos, ou mesmo fingem que os têm para manipular e explorar, pela lei da causa e efeito, estão acumulando dívidas.


São almas ainda muito embrutecidas e ignorantes, que apesar de se usarem muitas vezes da fé e da religiosidade alheia, tem pouca ou nenhuma compreensão do mundo espiritual. Pois se o tivesse, jamais fariam isso.


E isso também é totalmente válido para aqueles que se usam de tais serviços.


A lei é simples, aquilo que você planta, você colherá, mais cedo ou mais tarde, nesta vida, no umbral ou na outra vida.


Aquilo que você deve lhe será cobrado, afinal você é herdeiro de si mesmo, e os efeitos de suas causas reverberam através do tempo.


Se um dia você engana e explora, um dia será enganado e explorado, se um dia você prejudicou ou amarrou alguém, um dia será prejudicado e amarrado. Se um dia você foi algoz, outro dia você será a vítima.


Esta é a lei, ação e reação. Se você interferir no livre arbítrio de alguém, um dia você será escravizado.


O único caminho para quebrar este ciclo vicioso, é o ato do serviço abnegado, através do amor e da caridade. E quanto mais amor você dá, mais amor recebe, quanto mais servir, mais será servido.



O Prazer e Benção que é Estar a Serviço


É verdadeiramente uma honra e uma benção servir ao espiritual. E saiba que se o seu coração se manter aberto e puro, as benção do espiritual para o material retornarão para você de maneira abundante e infinita.


Como dizia Jesus Cristo, busque primeiro as coisas do espiritual, e todo o resto lhe será dado.


É quando colocamos o material na frente do espiritual que nos perdemos de nós mesmos, e acabamos sucumbindo às facilidades e prazeres da carne.


Porém, embora muito se diga o contrário, e eu mesmo já falei muito que mediunidade é dívida, é importante também que vejamos o caminho da mediunidade como uma benção e não um fardo.


Pois se encaramos como um fardo, iremos querer recompensas para fazer valer esse peso carregado, e é neste ponto que muitas almas mais revoltadas se confundem e acabam se corrompendo, querendo um benefício deste fardo.


No entanto, quando encaramos a mediunidade como uma benção e uma oportunidade de evoluir, crescer e acelerar o processo de remissão e redenção de nossos carmas e dívidas pregressas, é muito mais provável que venhamos nos manter no caminho do serviço, da caridade e do amor.


A jornada de evolução nem sempre é fácil ou recompensadora, mas ao servir o espiritual de coração, você sempre será abençoado com graça e apoio ao longo de todo o seu caminho, pois os seus guias e mentores sempre estarão lá por você.



O que posso fazer então?


Se este artigo está tocando o seu coração, talvez esteja na hora de você começar a praticar o serviço abnegado. Tire o dia de hoje para oferecer um ato de gentileza aleatório. Ou se voluntariar em uma causa que fala como seu coração.


Ou mesmo simplesmente dar um abraço em alguém que você sente que está precisando de acolheminto.


Ao servir aqueles que estão no mundo material, você também estará servido aqueles que estão no mundo espiritual.


Lembre-se que a maior meta da espiritualidade elevada, é trazer o amor que cura e a luz do despertar para os que estão encarnados.


O mundo espiritual irá sempre amar e apoiar a sua compaixão e trabalho gentil das maneiras mais inesperadas. Olhe a beleza das bençãos e sinais do espiritual com gratidão, conforme seus guias e mentores forem mostrando que você está na direção correta.


Bençãos infinitas e uma alegria indescritível te aguardam quando você começar a servir e ajudar ao próximo pelo simples prazer de servir. E mesmo que lá no fundo você ainda espere algo em troca, é melhor servir por egoísmo, do que não servir.


Espero que este artigo tenha te ajudado com mais esclarecimento sobre os limites éticos do uso da mediunidade.


Caso você ainda não tenha se inscrito no Canal do Youtube @Professor Gabriel Menezes, por favor se inscreva agora e ative o Sininho de Notificações para receber os vídeos e meditações novas que eu publico todos os dias lá pra vocês!


E caso você queira contribuir com a sua doação se tornando um patrocinador do meu trabalho e tendo acesso a TODOS os meus Cursos, Imersões e Meditações, por favor considere assinar o Desperta Club clicando sobre a imagem abaixo:


12 visualizações

Comentarios


bottom of page