top of page
  • Foto do escritorGabriel Menezes

Como se Aproximar do Seu Guia e Mentor Espiritual para Obter Orientação e Inspiração?

Existe um lugar no Mundo Espiritual, onde você pode buscar orientação, inspiração e muito apoio através de toda a sua jornada de desenvolvimento espiritual e mediúnico.


Se esse lugar fica na quarta, quinta, nona e vigésima dimensão, não importa, o que nos cabe saber é que é um reino elevado, onde guias espirituais, anjos e mestres existem.


Sim, eles existem, e um dos marcos mais importantes na jornada de todo médium ou terapeuta é fazer o primeiro contato com o seu guia ou mentor espiritual.


No artigo de hoje da série Educando a Sua Mediunidade Através da Meditação, que você também poderá encontrar uma sequência de vídeos na Playlist do meu canal no Youtube chamada 'Mediunidade para Todos', vamos falar dos guias espirituais, e uma técnica de meditação que você poderá usar para se sintonizar e se aproximar cada vez mais do seu guia espiritual.



Afinal, o que são os Guias Espirituais?


Os nossos guias e mentores espirituais, podem também ser conhecidos como anjos da guarda, e eles estão aqui para nos apoiar em nossa mediunidade, meditação e desenvolvimento espiritual, cabe a nós buscarmos nos sintonizar e nos aproximar cada vez mais deles.


Ao fazer isso, seremos muito beneficiados, e também protegidos.


E o que eu ganho me conectando com o meu Guia Espiritual


Já vimos médiuns notórios como o Chico Xavier e o seu mentor Emmanuel, Divaldo e a sua Mentora Joanna de Ângelis, Zé Arigó e seu guia espiritual Dr. Adolf Fritz, dentre muitos outros.


Isso acontece pois todo grande médium, e mesmo terapeutas, devem aprender a trabalhar em parceria e colaboração com o mundo espiritual através de seus guias e mentores.


Todo bom sensitivo deve saber quando seus mentores se aproximam, e aprender a forjar uma forte conexão com eles.


Conforme essa conexão e relação entre você e seu mentor vai crescendo você vai perceber o seu guia cada vez mais perto de você, te oferecendo inspiração, novas maneiras de pensar, e até mesmo métodos para curar-se e curar os outros.


Convidar os seus guias e mentores para se conectar com você ao longo do seu dia pode trazer mais certeza, segurança, graça e leveza para fluir através da vida.



Como Acessar o Meu Guia Espiritual?


Meditações para aquietar a mente, técnicas de respiração como os breathworks são uma das maneiras para criar equilíbrio e ritmo se mesclando a energia de seu mentor.


Uma boa prática para acrescentar quando você estiver em um espaço meditativo, é abrir o seu coração e alma para receber a luz e o amor de seu mentor.


Você pode imaginar uma luz brilhante vinda lá do alto, descendo e entrando em seu coração. E conforme você vai sentindo a presença de seu guia espiritual, respire na energia dele para permitir com que ele se conecte com você.


Se você não sabe o que perguntar ao seu guia num primeiro contato, apenas se abra e confie no suporte e direção que ele tem a te oferecer.


Após finalizar o contato, não esqueça de honrar e agradecer todas as bênçãos e sabedorias que os seus guias trouxeram para você.


Vou deixar aqui uma meditação que eu fiz para facilitar a sua primeira conexão com o seu Guia Espiritual, espero de verdade que ela te ajude! Mas não faça esta meditação antes de ler a última sessão deste artigo a seguir, pois ela tem algumas informações importantes que você deve saber antes de acessar o seu Mentor Espiritual!




Mas antes, você precisa saber algumas coisas sobre os Guias Espirituais


Saiba que eles não vão interferir no seu livre arbítrio, ou nas lições que você precisará absorver da vida, mas sim oferecer orientação e mesmo confirmações se você está ou não na direção correta do seu plano de alma.


É importante ressaltar também, que dificilmente o seu Guia Espiritual irá falar o nome dele para você, principalmente se você ainda não tiver merecimento e entendimento para isso.


Para algumas pessoas a imagem do seu mentor irá aparecer claramente, para outros será apenas uma voz, ou mesmo uma silhueta sem muitos detalhes. Haverão casos em que o seu Guia Espiritual poderá se apresentar através de formas diferentes.


O importante não é o nome, a imagem ou aparência, mas sim a qualidade energética do seu guia, em geral você sentirá muito amor, ternura e carinho ao se conectar com ele.


Um outro ponto bastante curioso, e que a maioria das pessoas não sabem, é que aquela crença e ideia do Anjo da Guarda vem na verdade deste conhecimento mais profundo do mundo invisível que nos apresenta ao papel do Guia ou Mentor Espiritual, estes são os nossos verdadeiros "Anjos da Guarda".


O seu Guia ou Mentor Espiritual nada mais é que uma pessoa muito próxima de você em outra vida, que está em uma escala de evolução moral mais adiantada que a sua. E, que pelo profundo amor e afeto que sente por você, decidiu atuar no papel de seu mentor espiritual durante esta sua encarnação, para te guiar e te proteger através da vida, desde que você esteja em sintonia com ele.


É muito comum, por exemplo na literatura espiritualista, que o seu mentor ou guia espiritual nesta vida, tenha sido o seu avô ou avó em uma outra encarnação. Mas é importante deixar bem claro aqui, que isso não é uma regra, logo o seu Mentor Espiritual pode ter tido qualquer outro nível de parentesco, proximidade ou até mesmo amizade, com você em uma outra vida.


Espero que este artigo curto e objetivo tenha te ajudado com uma técnica simples e fácil que você poderá usar para diferentes aplicações.


Caso você ainda não tenha se inscrito no Canal do Youtube @Professor Gabriel Menezes, por favor se inscreva agora e ative o Sininho de Notificações para receber os vídeos e meditações novas que eu publico todos os dias lá pra vocês!


E caso você queira contribuir com a sua doação se tornando um patrocinador do meu trabalho e tendo acesso a TODOS os meus Cursos e Imersões, por favor considere assinar o Desperta Club clicando sobre a imagem abaixo:


102 visualizações

Comments


bottom of page